Aplicação da Niepoort para iOS

Tenho partilhado com muita gente a minha ideia que as aplicações estão a espartilhar a Internet como nós a conhecemos.
Mas por outro lado criam um espaço sem distrações na palma da mão dos utilizadores, onde cada marca pode apresentar os seus produtos/serviços.

E foi isso que a Niepoort conseguiu com a sua aplicação disponível no iTunes.
Assim temos o catálogo da Niepoort, com os seus vinhos, informação sobre a vinificação, nota de prova e restante informação técnica sobre os seus vinhos.
Separados pelas categorias: vinhos de mesa do Douro, a secção especial dedicada aos Fabulosos, os vinhos do Porto e os Projectos.
A quinta e última categoria é sobre o universo Niepoort, com informação sobre a família, relatórios de víndima, processos vários e contactos.

Uma aplicação carregada de informação, onde se consegue ficar a conhecer melhor a marca, os seus vinhos e os rostos por detrás da mesma.

Espero que a irreverência desta empresa familiar fundada em 1842, disponibilize numa próxima actualização, a opção de podermos encomendar os seus vinhos através desta aplicação.
E também seria interessante quando se está a ver um determinado vinho, podermos partilhar essa informação com os nossos contactos através das mais populares redes sociais.

Descarregar a aplicação da Niepoort, aqui.

One thought on “Aplicação da Niepoort para iOS

  • 9 Maio, 2012 at 9:18
    Permalink

    Vejo com muito pouco interesse a proliferação deste tipo de aplicações.

    Depois de instaladas e exploradas, no longo prazo têm pouca utilização, e acabarão certamente por ser desinstaladas até porque em termos de espaço nos dispositivos acabam por ocupar mais do que a utilidade ou utilização justificam.

    Seria muito mais útil ter esta informação toda num site devidamente formatado para ser acedido por dispositivos móveis (telemóveis e tablets) e onde poderia estar sempre disponível quando necessária.

    Não deixa no entanto de ser uma acção de marketing boa, mas duvido que a longo prazo compense o custo.

Comments are closed.