RAW – A Feira do Vinho Artesanal

A feira RAW é uma criação de Isabelle Legeron MW para promover pequenos produtores de vinho artesanal que produzem vinho usando técnicas naturais da agricultura (incluindo as práticas orgânicas e biodinâmicas) e processos de intervenção de baixa fermentação.
Irá decorrer durante os próximos dias 20 e 21 de Maio, no The Old Truman Brewery em Brick Lane, Londres.
Irão estar em prova vinhos de 200 produtores.

Em representação de Portugal segundo o sítio da feira há produtores da região dos Vinhos Verdes, a Quinta da Baseira & Quinta de Freixo e a Quinta da Palmirinha. E da região do Dão a Casa de Mouraz.

Espero poder provar novamente os vinhos do Italiano Daniele Piccinin e entre outros conhecer finalmente os vinhos do Austríaco Bernard Ott.
E passar a conhecer muitos outros.

Vou com grande vontade de provar coisas novas, sem qualquer tipo de estereotipo nem estranhas concepções.
Acima de tudo sou um apaixonado pelo mundo dos vinhos de qualidade.

Actualização: Por motivos familiares acabei por não me deslocar a Londres para visitar esta feira.

Qual é a vossa opinião sobre este tipo de vinhos?

2 thoughts on “RAW – A Feira do Vinho Artesanal

  • 20 Maio, 2012 at 16:29
    Permalink

    Assim de repente pensei que a WWE tinha uma feira de vinhos… hehe

    Ricardo, é algo difuso e que tanto nos pode dar boas ou más indicações, depende da mão e cabeça de quem faz o respectivo vinho. Alguns dos grandes nomes do mundo do vinho são de facto vinhos resultantes de práticas orgânicas ou biodinâmica… mas como em tudo há os muito bons e aqueles que nem sequer mostram ter interesse. É minha opinião que esse tipo de vinho pesa menos e consigo mais facilmente estar a beber vinho desse que os outros mais “apetrechados” de “dust”.

    • 20 Maio, 2012 at 23:39
      Permalink

      João,
      RAW, WWE, percebi, como seria um evento deste tipo organizado por eles?

      Devido a esse trabalho com os vinhos, tinha tanta curiosidade em participar nesta feira.

      Obrigado pelo comentário.

Comments are closed.