E 2013 foi assim

Neste ano de 2013, escrevi 63 artigos. Algo que irá mudar radicalmente em 2014, vou dedicar-me muito mais a provar, fotografar e a escrever sobre vinhos no próximo ano!
Este ano o dia mais concorrido foi 28 de Maio, devido ao artigo – Blogues de vinhos – oportunidade online.

Quantos aos artigos mais populares em 2013 foram:
Melhores Blogs de Vinho para 2012 por Aníbal Coutinho;
Jantar de apresentação Muxagat Vinhos e Quinta do Monte Xisto;
Vinipax 2013;
Blogues de vinhos – oportunidade online;
Herdade do Esporão – Visita;

Votos de Um Grande 2014, cheio de bons vinhos!

Esporão lançou hoje blog em Português

No universo do vinho em Portugal existem vários exemplos bastante positivos de como se pode comunicar uma marca através de um blog. E estes são mantidos por empresas com dimensão bastante diferente, não contando a dimensão da empresa. O importante é a vontade que cada uma tem em divulgar a sua marca através de um canal extremamente poderoso.

Já tinha escrito um artigo sobre o Esporão, acerca do facto deles terem contratado um blogger Norte Americano para escrever num blog próprio direccionado ao mercado Americano.
Mas os blogues como muitas outras coisas têm um problema, não se alimentam sozinhos e os artigos não nascem das árvores. Para que se tornem interessantes e digam algo a quem o lê, precisam de conteúdo.

É este o desafio que enfrentam todos aqueles que possuem um blog. Alguns poderão dizer que um artigo por mês basta, tudo bem, mas será que é suficiente para quem lê?

Pelos vistos o Esporão não está apenas a melhorar a forma como chega ao consumidor Norte Americano através da rede, está também a querer ficar mais perto de quem utiliza por exemplo a rede social Facebook.
A partir desta semana dispõe de uma segunda página para comunicar com os seus fãs. Pelo que pude depreender o diálogo vai ser em Português ou Inglês.
Estão também presentes no Twitter e criaram uma conta num dos serviços mais populares de partilha de fotografias, o Flickr.

O Esporão apresentou hoje também o seu blog na língua de Camões, em blog.esporao.com:

Este espaço nasce da crença que quem gosta e bebe vinho quer saber mais. Quer saber os detalhes, as novidades, as curiosidades.
Pretendemos que o blog seja um espaço de partilha de conhecimento e experiências, acessível, sem preconceitos e enriquecedor.
Os tópicos serão propostos pelas nossas equipas e, dependendo do tema, os nossos enólogos, viticultores, biólogos, chefs, administradores, marketing, designers, arqueólogos, responderão pessoal e directamente.
Contamos com a vossa curiosidade para lhe dar vida!

É assim que João Roquette, assina e dá as boas vindas aos leitores e seguidores da marca.

Tenho passado estes últimos anos mergulhado nos blogues e acho que são um canal excelente para se comunicar uma marca.
Para terem sucesso dentro das organizações é preciso que as mesmas os vivam os respeitem e alimentem.
Ao que parece, toda a equipa está escalada, não vejo como não possa resultar.

Herdade do Esporão contrata Wine Blogger

A Herdade do Esporão através da Benson Marketing Group contrata Wine Blogger para escrever no blog notesfromesporao, um blog escrito em Inglês e que tudo aponta pensado para o mercado Norte Americano.

Neste momento o blog apenas contém dois artigos:
Getting to Know Esporão Reserva Red (By Pairing It With Braised Beef Cheek!)
Hello and welcome to Esporão!

O autor é Joe Roberts um reconhecido e premiado wine blogger de Filadélfia, EUA, o autor de 1winedude.

Sobre a Benson Marketing Group, é uma empresa de RP vocacionado para o mercado do vinho e bebidas espirituosas, com a sua sede em Napa Valey.

Para já a Herdade do Esporão tem todo o mérito ao optar por uma agência especializada na área para manter um canal de comunicação como este.
Outras marcas falharam quando escolheram pessoas com menos conhecimentos e carisma para criar blogues sobre marcas.

E em Portugal, que outros exemplos conhecem?
Que wine blogger portugueses, mantém blogs de produtores nacionais?