O blog está a banhos

Vinhos Niepoort

Até se pode pensar nisso, que o blog está a banhos no Algarve.

Mas a razão é outra, no passado mês de Junho aceitei um novo desafio profissional na área do Turismo.
Novo emprego, novos horários, família e como só se consegue actualizar o blog com tempo livre – os artigos estão atrasados.

Uma palavra de agradecimento a todos os produtores que acreditam no meu trabalho e tem enviado alguns vinhos para prova nestes últimos meses.
Obrigado.

Porque a maioria dos blogs de vinho não crescem?

1º Encontro e Prova Internacional de Vinho
Jamie Goode a tomar notas durante um dos jantares do #Encontro11.

Neste seu último artigo o Jamie Goode fez-me lembrar o Darren Rowse nos seus primeiros artigo no problogger.net.

Acho que estes artigos são necessários de tempos a tempos para nos fazer recordar o que é realmente importante!

Estas são dicas para tornar qualquer blog mais interessante.

Vou comentar os pontos que ele enumera, para quem ainda não teve a oportunidade de ler, convido a passar os olhos pelo artigo original.

Frequência de actualização
Bem, sendo um wine blogger amador, o blog vêm depois das responsabilidades parentais e profissionais, só existe subtraindo várias horas de sono.
E mesmo assim compete com elas em muitas ocasiões, felizmente tenho uma família bastante tolerante, sem isso, não sei se ainda conseguia escrever.

Conheça o seu público
Desde o início que tenho isso em mente.
Só um apaixonado por alguma coisa abre uma janela num browser e pesquisa por algo.
Ou te continua a ler depois de uns artigos menos conseguidos. Ou não é assim?

Comprimento dos artigos
Aqui a coisa fica complicada, por vezes existe um vontade imensa em partilhar e escrever sobre determinado assunto.
Mas todos nós sabemos que existe pouco tempo para ler o que quer que seja online, tal é a quantidade de informação nova disponivel.
O melhor é mesmo partir o artigo inicial em vários, não é a solução mais lógica mais poderá ajudar a quem nos lê.

Destaque-se da multidão
Esta é a mais interessante e difícil!
Bem no meu caso, não sou magrinho portanto,… não é pelo aspecto físico, eu sei.

Possuir uma voz autêntica
Autenticidade – uma batalha diária.
Criar uma identidade online – é preciso tempo e não é em meia dúzia de artigos no blog.

Persevere
Leva tempo diz o Jamie Goode, e todos nós sabemos que tem de ser assim e não é fácil.

Respeite os direitos de autor
Felizmente sou um apaixonado pela fotografia e um grande impulsionador dos Creative Commons.
E na grande maioria dos meus artigos tento usar fotografias minhas, caso isso não aconteça dou os devidos créditos com o respectivo link para os autores.

Que dificuldades sentem?
E que outros motivos apontam para que a maioria dos blogs de vinho não cresça?