Esporão lançou hoje blog em Português

No universo do vinho em Portugal existem vários exemplos bastante positivos de como se pode comunicar uma marca através de um blog. E estes são mantidos por empresas com dimensão bastante diferente, não contando a dimensão da empresa. O importante é a vontade que cada uma tem em divulgar a sua marca através de um canal extremamente poderoso.

Já tinha escrito um artigo sobre o Esporão, acerca do facto deles terem contratado um blogger Norte Americano para escrever num blog próprio direccionado ao mercado Americano.
Mas os blogues como muitas outras coisas têm um problema, não se alimentam sozinhos e os artigos não nascem das árvores. Para que se tornem interessantes e digam algo a quem o lê, precisam de conteúdo.

É este o desafio que enfrentam todos aqueles que possuem um blog. Alguns poderão dizer que um artigo por mês basta, tudo bem, mas será que é suficiente para quem lê?

Pelos vistos o Esporão não está apenas a melhorar a forma como chega ao consumidor Norte Americano através da rede, está também a querer ficar mais perto de quem utiliza por exemplo a rede social Facebook.
A partir desta semana dispõe de uma segunda página para comunicar com os seus fãs. Pelo que pude depreender o diálogo vai ser em Português ou Inglês.
Estão também presentes no Twitter e criaram uma conta num dos serviços mais populares de partilha de fotografias, o Flickr.

O Esporão apresentou hoje também o seu blog na língua de Camões, em blog.esporao.com:

Este espaço nasce da crença que quem gosta e bebe vinho quer saber mais. Quer saber os detalhes, as novidades, as curiosidades.
Pretendemos que o blog seja um espaço de partilha de conhecimento e experiências, acessível, sem preconceitos e enriquecedor.
Os tópicos serão propostos pelas nossas equipas e, dependendo do tema, os nossos enólogos, viticultores, biólogos, chefs, administradores, marketing, designers, arqueólogos, responderão pessoal e directamente.
Contamos com a vossa curiosidade para lhe dar vida!

É assim que João Roquette, assina e dá as boas vindas aos leitores e seguidores da marca.

Tenho passado estes últimos anos mergulhado nos blogues e acho que são um canal excelente para se comunicar uma marca.
Para terem sucesso dentro das organizações é preciso que as mesmas os vivam os respeitem e alimentem.
Ao que parece, toda a equipa está escalada, não vejo como não possa resultar.

Pagellus erythrinus

Tínhamos prometido ir visitar o Ribas, quando ele foi para o Casa Blanca.
Trabalhei com o Ribas, um profissionalão da Hotelaria, a quando da passagem pelo meu penúltimo empregador.
E foi finalmente na Sexta-feira passada, dia 19 de Março que podemos disfrutar de um jantar entre amigos e sempre apaparicado pelo Ribas.
O jantar acabou com um encetar de uma garrafa de Porto e com a promessa de que voltaríamos.
Na fotografia pode ver-se na parte superior umas barrigas de Atum grelhadas e depois uma Bica ( Pagellus erythrinus ) escalada.


Ver mapa maior

Restaurante Casa Blanca
Altura, 8950 Castro Marim
Telefone +351 281 957 661

Uma fotografia do Magalhães

Magalhaes

Se não fosse o JC, a fazer-me lembrar através do Twitter, passaria-me completamente ao lado que o i, publicou uma noticia sobre a segunda geração do computador Magalhães, com uma fotografia minha.
Escapou-me esta noticia, mas é duplamente bom ter pessoas atentas, ao nosso trabalho.

O meu agradecimento ao i, pela generosidade.

Esta fotografia encontra-se alojada no Flickr, um serviço online de alojamento de fotografias. Que neste momento é mais do que um serviço é uma autentica comunidade de amantes da fotografia.
No Flickr vão encontrar todas as minhas fotografias disponíveis para quem as queira copiar, distribuir, exibir, executar e ainda criar obras derivadas. Ficando sempre obrigados ao direito de atribuição, ao qual, você deve dar crédito ao autor original.
Pode consultar aqui mais pormenores sobre este tipo de licença da Creative Commons.

A fotografia é esta e foi tirada a 29 de Outubro de 2008 em Beja.

Magalhães
http://www.flickr.com/photos/zone41/ / CC BY 2.0